Entrevista| Fabio Diamond: Criador de Os Super Notáveis

Como tivemos o Mês do Orgulho LGBT, vamos falar agora de uma HQ que precisa ser conhecida: Os Super Notáveis!

Como tivemos o Mês do Orgulho LGBT, vamos falar agora de uma HQ que precisa ser conhecida. Os Super Notáveis apresenta super heróis brasileiros LGBT e suas aventuras não apenas fantásticas, mas as incursões sobre o mundo da moda. Vemos as agruras, desilusões, desafios e também conquistas, vitórias e o sucesso na carreira de modelo. 

Capa da HQ Os Notáveis

Concebidos pelo jornalista, roteirista, fotógrafo de moda e CEO da Diamond Models Agency Fábio Antônio Sobrinho (ou simplesmente Fabio Diamond), Os Super Notáveis trabalha não apenas o universo LGBT, mas o próprio universo da moda em si.

Temos alguns trabalhos brasileiros no universo dos quadrinhos, mas talvez nenhum outro com a temática super-heróis. Com o contorno nanquim (como nos games Street Fighter IV em diante), Os Notáveis vai virar série(!) Otageekers, com vocês, o notável Fabio Diamond:

Otageek- Há quanto tempo Os Super Notáveis estão na ativa?

Fábio Diamond- Criei os Super Notáveis em 1988 e criamos a HQ em 2009.

Otageek- Há mais alguma HQ – brasileira ou estrangeira – com a temática LGBT abrangendo o universo de super-heróis além d’Os Notáveis?

Fábio Diamond- Não que eu saiba. Os Notáveis não abraça a princípio a causa LGBT como tema, porém existem personagens do universo LGBT.

Otageek- Além de superpoderes, Os Super Notáveis trabalham não só o universo LGBT como o mundo da moda. Você poderia falar um pouco sobre eles? 

Fábio Diamond- Todo o universo d’Os Super Notáveis tem como palco o mundo da moda mesclado com nossas lendas e personagens icônicos brasileiros, tanto os bons como os maus. 

Página da HQ de Os Notáveis mostra o protagonista ajudando uma das personagens a descobrir sua verdadeira natureza.
New Faces* dão trabalho.

*New faces – gíria para novos modelos.

Otageek- Criadores sempre têm algum personagem que é um autorretrato. Há algum dos personagens que é você? 

Fábio Diamond- Em cada personagem tem um pedaço meu! 

Página da HQ mostra o protagonista furibundo falando ao celular.
Fabio Diamond em sua versão HQ.
Otageek- Quantas edições ou arcos já foram lançados? Há algum spin off?

Fábio Diamond- Foi publicada apenas a primeira edição, mas temos a edição zero que será lançada após o lançamento da série para TV!

Otageek- Como tem sido a aceitação do quadrinho? Não pela temática, mas pelo boom das HQs nacionais na atualidade.

Fábio Diamond- Aqui no Brasil, a maior dificuldade de aceitação é dos escritores e roteiristas de outras HQs. Eles sempre querem medir o peso de suas obras com a nossa, mas eu relevo porque o sucesso é individual. Eu até evito muito contato!

Fabio Diamond em close, sorrindo em um evento.
Fabio Diamond.
Otageek- Muitos supers de HQs têm seus poderes inerentes às suas personalidades. Isso ocorre com Os Super Notáveis?

Fábio Diamond- Alguns sim. Outros têm seus poderes completamente diferentes de suas personalidades, o que gera os conflitos interiores.

Personagem salta a la parkour entre prédios.
Parkour pra que te quero!
Otageek- A HQ está sendo vendida impressa ou é disponibilizada apenas online?

Fábio Diamond- A princípio, não estamos comercializando. Em setembro, iremos participar de um evento em uma escola de Nova York onde serão vendidos 500 exemplares.

Otageek- Vai rolar a série, né? Fale um pouco sobre ela. Número de temporadas, escolha dos atores (se possível, nome deles), canal onde será exibida…

Fábio Diamond- Sim! Já está com o roteiro pronto e registrado e teremos 10 episódios a princípio. Já fechamos com 70% do casting e iremos divulgar todos os nomes assim que assinarmos com a plataforma que fará a exibição.

Otageek- Um longa metragem, jogo e action figures estão nos planos?

Fábio Diamond- Sim! Estão sim em nossos planos.

E se você gostou do nosso conteúdo, apoie-nos através das nossas redes sociais e acompanhe nosso podcast

Facebook RSS Youtube Spotify Twitch


Receba conteúdos exclusivos!

Garantimos que você não irá receber spam!

Compartilhe essa matéria!
Claudio Siqueira
Claudio Siqueira

Escritor, poeta, Bacharel em Jornalismo e habitante da Zona Quase-Sul. Escreve ao som de bits e póings, drinkando e smokando entre os parágrafos. Pesquisador de etimologia e religião comparada, se alfabetizou com HQs. Considera os personagens de quadrinhos, games e animações como os panteões atuais; ou ao menos, arquétipos repaginados.

Artigos: 103
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários