Crítica| Super Mario Bros. O Filme: A virtude da nostalgia

Super Mario Bros. O Filme é eficiente no que se propôs a entregar e aparenta ser grato pela obra original que se inspirou.

Após uma ótima passagem pelos cinemas, eis que o filme Super Mario Bros. chegou às plataformas digitais nesta semana. Sendo uma espécie de história de origem, Mario e Luigi se aventuram por um mundo mágico, em que você pode conferir no catálogo do Prime Video. 

Uma das franquias de games mais icônicas e populares de todos os tempos, Super Mario Bros. atravessou gerações, sendo popular até hoje. Com mais de 40 anos desde o seu lançamento oficial, a franquia do Mario precisava de um filme decente e que tivesse tudo aquilo que fez o jogo ser tão popular e divertido de se jogar. 

Bem, dessa vez em formato de animação, dirigido por Aaron Horvath e Michael Jelenic e produzido pela Universal Pictures, Super Mario Bros. O Filme traz o começo da história dos irmãos, mostrando como eles chegaram naquele mundo inimaginável, se envolveram com aqueles seres e se tornaram os heróis daquele lugar. 

Vindo de uma premissa simples e um desenvolvimento narrativo funcional, o longa não se preocupa em inovar o gênero e muito menos em ser mais do que deveria. Super Mario Bros. é um projeto claro do que pretendia ser e onde queria chegar. Afinal, aqui temos todos os elementos que presenciamos por anos jogando os jogos, despertando o sentimento de nostalgia e conforto cena após cena. 

Super Mario Bros. O Filme
Super Mario Bros. O Filme

Há um brilhante trabalho visual no projeto. A cada cena somos banhados por cores vivas, personagens e momentos icônicos, inúmeros easter eggs e o Mario pulando e se aventurando a todo instante. Todos os elementos presentes no jogo foram inseridos no longa de forma funcional, ou seja, contribuindo não só para satisfazer o saudosismo presente em cada um, mas para o andamento da própria história. 

Há trilha sonora é um caso aparte! Somos presenteados com a junção dos temas clássicos dos jogos criados por Koji Kondo, em cima de uma modernidade vinda pelas mãos e ouvidos de Brian Tyler.  Além disso, clássicos do Pop e Rock, como Take on Me e Holding Out for a Hero proporcionam um charme a mais nas respectivas cenas em que são tocadas, dando aquela vontade de sair cantando e dançando. 

Bem, Super Mario Bros. O Filme ajuda a combater essa mística que filmes baseados em games não dão certo. E mesmo com uma simplicidade narrativa e até um certo atropelo no primeiro ato do filme, o projeto é eficiente no que se propôs a entregar e aparenta ser grato pela obra original que se inspirou. Fomos presenteados com a descoberta cinematográfica desse universo, que continuando em boas mãos, pode se tornar uma franquia de sucesso no futuro.

Veja o trailer:

Super Mario Bros. O Filme você confere no catálogo do Prime Video. 

Continue lendo:

E se você gostou do nosso conteúdo, apoie-nos através das nossas redes sociais e acompanhe nosso podcast

Facebook RSS Youtube Spotify Twitch


Receba conteúdos exclusivos!

Garantimos que você não irá receber spam!

Compartilhe essa matéria!
Lucas Almeida
Lucas Almeida
Artigos: 273
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários