Dona Jacira instiga leitores a conhecer diferentes perspectivas em seu novo livro, “Um Escudo de Afeto aos Meus”

Lançamento acontece no Sesc Pompeia e trará bate-papo com Dona Jacira e Dona Maria Vilani

Dona Jacira é um caleidoscópio de vivências e talentos: artista plástica, tecelã de histórias, artesã, mulher, mãe, negra e periférica são algumas características que a definem. Mãe de Katia, Katiane, Evandro Fióti e Leandro (Emicida), a escritora traz em seu segundo livro, “Um Escudo de Afeto aos Meus” – publicado de forma independente – , sutis, mas não por isso simples, recados sobre a vida. O lançamento acontece no dia 13 de março, na área de convivência do Sesc Pompeia, às 19h30, e será acompanhado por um bate-papo entre Dona Jacira e Dona Maria Vilani, também mãe, escritora, filósofa e ativista cultural.

A segunda obra de Dona Jacira chega como uma leitura ágil e envolvente. Com histórias cativantes que trazem muitas reflexões, o propósito do texto é despertar os escudos interiores do leitor e, dessa forma, fazer com que ele enxergue no dia a dia as belezas da vida. O livro nasce abraçado a uma nova coletânea de podcasts, “Café com Dona Jacira” (ouça aqui), lançada no fim de 2023, sendo o berçário do livro.

Dona Jacira Um escudo de afeto
Dona Jacira lançou o livro “Um Escudo de Afeto aos Meus” no dia 13 no Sesc Pompeia.

“O livro nasceu de uma dor. Eu estava muito feliz e fui apunhalada por uma palavra que cruzou o ar feito uma flecha e entrou no meu coração, acabando com a minha alegria. Era um dia de sol que tinha acabado. E nada que eu fizesse me ajudava a voltar pro centro da minha paz. Ainda era de manhã e eu paralisei. Tinha medo, raiva e solidão”, sintetiza Dona Jacira.

Apesar dos desafios que todos vivem, “Um Escudo de Afeto aos Meus” oferece em suas páginas a visão de que é possível transformar episódios negativos em experiências de crescimento. “Embora alguns chamem o livro de poético, não quero romantizar a violência do outro, quero que vejam que cada um de nós tem sua própria potência”, afirma a autora.

A jornada de Dona Jacira traz celebração à vida, como uma ode à persistência e à conexão com as raízes que a sustentam. Autora do livro “Café” (2018), publicado pela editora LiteraRUA, em parceria com a Laboratório Fantasma, a multiartista também já conduziu o podcast “A Voz da Coragem”; foi colunista do UOL, no “Café com Dona Jacira”; e apresentou o documentário Dona Jacira, o legado, projeto que também se transformou em música, por meio do EP O Legado. A artista permanece refletindo, escrevendo, criando, ouvindo e também expondo sua visão de mundo, dando vida a novas criações e, sobretudo, abrindo-se para compartilhar sua perspectiva única, demonstrando sempre seu comprometimento em se conectar com seus iguais.

Continue lendo:

E se você gostou do nosso conteúdo, apoie-nos através das nossas redes sociais e acompanhe nosso podcast

Facebook RSS Youtube Spotify Twitch


Receba conteúdos exclusivos!

Garantimos que você não irá receber spam!

Compartilhe essa matéria!
Pedro Hilário
Pedro Hilário

Nerd, gamer, amante de HQs, filmes de terror, colecionador de CDs de bandas que ninguém conhece, barman e Streamer. Prazer, eu sou Hilário.

Artigos: 1135
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários