Crítica | Encanto é um abraço nos fãs de animação e uma carta de amor à comunidade latina6 minutos

60º longa de animação da Disney Animation Studios, Encanto chegou na última quinta-feira (25) aos cinemas brasileiros trazendo a história da família Madrigal, cujos membros ganham dons mágicos assim que chegam a determinada idade.

Um filme sobre família e pertencimento

A história se passa na Colômbia, mas poderia se passar facilmente em qualquer país da América Latina, inclusive aqui no Brasil. A família é barulhenta, grande e convive de forma próxima. Por exemplo, primos são criados como irmãos.

A construção da ambientação de Encanto é simplesmente linda e, apesar de se passar em um local isolado da Colômbia, no meio das montanhas, é fácil identificar as referências ao país até mesmo na maneira de falar e se vestir dos personagens.

Mirabel (Stephanie Beatriz) é a única entre seus parentes que não ganhou um talento especial, o que faz com que a convivência com alguns outros membros dos Madrigal, especialmente a avó Alma, seja para lá de complicada.

O vínculo que a protagonista tenta construir com cada pessoa de sua família é muito bem definido. Conseguimos entender, inclusive, como essas relações foram sedimentadas ao longo da vida da garota.

Encanto - poster (Família Madrigal) Otageek)
Encanto – pôster / Reprodução: Disney Animation Studios.

Cada um dos membros vai fazer você se apaixonar

Uma das primeiras preocupações que temos é sobre a quantidade de personagens no filme. A família Madrigal é muito grande, mas você vai conseguir conhecer e se apaixonar por cada um deles.

Os poderes atribuídos aos membros refletem suas personalidades, porém, ao longo da história, vamos descobrindo que todos eles são muito mais do que seus dons.

A abuela Alma Madrigal (María Cecilia Botero) foge de todos os estereótipos de avós de animações: a matriarca da família é rígida e não tem muita paciência para erros. Com seu falecido marido, Pedro, teve trigêmeos: Julieta (Angie Cepeda), Pepa (Carolina Gaitan) e Bruno (John Leguizamo).

Julieta consegue curar as pessoas através da comida. Ela se casou com Agustin (Wilmer Valderrama) e os dois tiveram três filhas: Isabela (Diane Guerrero), Luisa (Jessica Darrow) e nossa protagonista, Mirabel. Os dois são pais amorosos e preocupados com o bem-estar de suas meninas.

Mirabel é carismática e tenta se encontrar em uma família cheia de pessoas especiais. Ela faz de tudo para compensar o fato de não ter poderes e tenta provar que ali é seu lugar, principalmente para a avó.

Mirabel contempla a Casita Otageek
Mirabel contempla a Casita / Reprodução: Disney Animation Studios.

Luisa é forte fisicamente e tenta esconder seus sentimentos e fraquezas. Está sempre ocupada tentando resolver o problema de todos. Já Isabela é a senhorita perfeitinha em todos os aspectos e controla a flora, mas talvez tenha mais a mostrar sobre si mesma do que lindas flores.

Pepa, cujo poder é controlar o tempo conforme seu humor, e seu marido Felix (Mauro Castillo) são um casal que se completa. Ele está sempre tentando acalmar a esposa temperamental com seu jeito alegre para que não aconteça nenhum desastre. Juntos, também tiveram três filhos: Dolores (Adassa), Camilo (Rhenzy Feliz)  e Antonio (Ravi Cabot-Conyers).

Dolores tem uma audição excepcional e seu poder é supreendentemente bem utilizado, além de gerar cenas muito divertidas. Já seu irmão Camilo poderia ter sido mais bem trabalhado. Ele é um metamorfo, porém foi utilizado apenas como alívio cômico.

Por sua vez, Antonio, que é o caçula dos Madrigal, é o mais apegado à prima Mirabel, pois divide o quarto com ela desde que nasceu. Ele é uma criança super doce que consegue falar com os animais.

Os Madrigal durante a música Waiting on a Miracle - Camilo, Dolores, Felix, Pepa, Antonio, Abuela, Julieta, Agustin, Mirabel, Luisa e Isabela Otageek
Os Madrigal durante a música Waiting on a Miracle – Camilo, Dolores, Felix, Pepa, Antonio, Abuela, Julieta, Agustin, Mirabel, Luisa e Isabela / Reprodução: Disney Animation Studios.

Bruno talvez seja o personagem mais complexo da animação: seu poder afeta a vida de toda a sua família, ao ponto de ser tão mal compreendido que ele se sente obrigado a se afastar do convívio com seus parentes.

Mesmo a casa, ou casita, como ela é chamada, é um personagem importante dentro da trama, criando quartos para seus habitantes assim que eles ganham seu poder. Ela também ajuda os membros da família Madrigal durante as tarefas do dia-a-dia.

Músicas envolventes e emocionantes de Lin-Manuel Miranda

Lin-Manuel Miranda é conhecido por entregar músicas icônicas. Ele é dono de composições como, por exemplo, a trilha sonora de Moana. O mesmo acontece com as 9 canções que contam a história da família Madrigal, incluindo duas em espanhol.

A música de Encanto é a responsável por nos ajudar a conhecer quem é quem dentro da trama de forma rápida e natural, já que a primeira canção da animação já nos traz seus nomes, poderes e relações.

Conclusão

Encanto conta com uma história cativante sobre pertencimento, descoberta do que realmente importa e relações familiares, as quais podem ser difíceis muitas vezes, sem contar dolorosas. Talvez seja a animação da Disney mais focada em família dos últimos anos.


Leia também:


E se você gostou do nosso conteúdo, apoie-nos através das nossas redes sociais e acompanhe nosso podcast

Facebook RSS Youtube Spotify Twitch


Receba conteúdos exclusivos!

Garantimos que você não irá receber spam!

Compartilhe essa matéria!
Imagem padrão
Aline Merkle
Artigos: 147
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários